Rio+20 e a hipocrisia velada

27 jun

Após 20 anos da realização da ECO-92, o Rio de Janeiro recebeu a Rio+20. Proporcionada pela Confederação das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, os temas principais foram a economia verde em relação ao  desenvolvimento sustentável e à erradicação da pobreza e a estrutura institucional para o desenvolvimento sustentável.

            Representantes de quase todo o mundo compareceram. Apenas o Grupo dos 7, composto por Estados Unidos, Itália, Reino Unido, Alemanha, Japão, Canadá e França se abdicou em participar ( a França compareceu).

            Os países desenvolvidos acreditam que não podem impedir que as grandes indústrias, por exemplo, poluam o Meio Ambiente. O progresso depende da agressão desenfreada ao próprio habitat. Por isso, as superpotências nem deram as caras por aqui.

            A exemplo dessa atitude, existe o Protocolo de Kyoto, aberto para assinaturas em 1997, e em vigor desde 2005, que versa sobre as regras para a redução da emissão de gases poluentes na atmosfera o que ocasionaria o aquecimento global. Na sua gênese, houve uma tremenda discussão, pois os Estados Unidos, maior potência mundial, declarou ser contra a limitação da industrialização em prol da Natureza.

            Dessa forma, iniciaram-se outros debates que tentaram responder ou apresentar soluções aos países poluidores. Seria inadmissível saber que a Terra esteja em extremo processo de degradação e não fazer nada para conter o problema.

            No entanto, países poluidores, como China e Estados Unidos, se recusam a assinar qualquer tipo de proteção ao Meio Ambiente, somente as discussões acaloradas e apaixonadas ocorrem pelos cantos do mundo. A maior, na Conferência Rio+20.

            Sabe-se que os poluentes proferidos pela China já atravessaram, principalmente pelo ar, os quatro cantos do planeta. E, mesmo assim, com essa invasão de território pela sujeira, continuamos vendo pelos canais televisivos a névoa escura que cobre os orientais. Não há previsão nem interesse em diminuir o que pode ser o caos no futuro.

            A Rio+20 causou uma boa impressão no mundo, mas duvido que alguma providência possa ser tomada. Ademais, qual país vai querer deixar de crescer economicamente para proteger o Meio Ambiente?  Nenhum. Para mim, a tal conferência não passou de uma proposta política cuja hipocrisia velada deu o tom da inércia dos governos em não querer proteger absolutamente nada… a não ser o próprio bolso.

Uma resposta to “Rio+20 e a hipocrisia velada”

  1. Bruna D' Agostino junho 27, 2012 às 2:51 pm #

    Infelizmente vivemos em um Mundo onde ainda se tampa o Sol com a peneira =/ .. Mto bom o texto =)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: